26/11/2014 às 15h17min - Atualizada em 26/11/2014 às 15h17min

Empresa tem até sexta para decidir sobre novo valor das obras do Aeroporto de Vitória

Com isso, a Jota Ele Construções receberia R$ 491,4 milhões para retomar as obras do Aeroporto de Vitória, em vez dos R$ 546 milhões que havia arrematado

Folha Vitória

A empresa que deverá retomar as obras do Aeroporto de Vitória, paradas desde 2008, tem até a próxima sexta-feira (28) para aceitar ou não uma proposta de redução, feita pela Infraero, de 10% sobre o valor arrematado.

Com isso, a Jota Ele Construções Civis S.A, de Curitiba, receberia R$ 491,4 milhões para realizar as obras no aeroporto, em vez dos R$ 546 milhões que havia ofertado no leilão, realizado na última quinta-feira (20), em Brasília. 

Caso a empresa não aceite a redução, a segunda colocada entraria na disputa, e assim sucessivamente. Se nenhuma empresa aceitar a proposta da Infraero, uma nova licitação seria aberta.

Com a proposta aceita, a expectativa é de que o certame seja homologado até o mês de janeiro. A partir daí, mais 30 dias serão necessários para a elaboração do contrato e emissão da ordem de serviço, o que só deverá ocorrer no mês de março.

Pelas normas do edital, a empresa deverá executar as obras no prazo de 914 dias, a partir da emissão da ordem de serviço. Ou seja, se a assinatura do contrato ocorrer no início do próximo ano, as obras só deverão ser entregues em 2017.

A empresa vencedora deverá executar a construção do novo sistema de pistas, pátio de aeronaves, terminal de passageiros, central de utilidades, sistemas viários, estacionamento, macrodrenagem interna, além de obras complementares.


Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
WhatsApp
Atendimento
Fale conosco pelo Whatsapp