18/01/2018 às 09h37min - Atualizada em 18/01/2018 às 09h54min

Biometria: cerca de 3.350 eleitores não fazem recadastramento e têm títulos cancelados em Presidente Kennedy

Cartório da cidade continua recadastrando até 09 de maio de 2018.

Da Redação

 

A data-limite para o recadastramento biométrico em Presidente Kennedy foi 29 de dezembro do ano passado. Quem não compareceu ao cartório eleitoral do município terá seu nome incluido na lista dos títulos que serão cancelados.

Presidente Kennedy concluiu o recadastramento biométrico com 73,67% dos 12.730 eleitores que faziam parte da base de dados do Tribunal Regional Eleitoral do Espírito Santo.

Prazo Final

Se o eleitor procurar o cartório da cidade até o dia 9 de maio (data final para a atualização de documentação de cadastro eleitoral), buscando regularizar a situação, ainda terá tempo de fazê-lo

No Geral

Nos municípios do interior do Espírito Santo onde será exigida a biometria, mais de 20% dos eleitores não fizeram o recadastramento biométrico dentro do prazo. De acordo com o Tribunal Regional Eleitoral (TRE), esses eleitores, que somam cerca de 15 mil, já tiveram o título de eleitor cancelado.

Além de Presidente Kennedy, os municípios de Anchieta, Ibatiba e São José do Calçado já concluíram o recadastramento biométrico. Em nenhum deles o percentual de eleitores recadastrados atingiu os 80%.

Confira os números por município:

  • Anchieta - dos 23.520 eleitores, 77,03% fizeram o recadastramento biométrico.
  • Ibatiba - dos 18.450 eleitores, 78,11% fizeram o recadastramento biométrico.
  • São José do Calçado - dos 9.236 eleitores, 76,61% fizeram o recadastramento biométrico.

O objetivo do cadastramento é tornar ainda mais segura a identificação do eleitor na hora do voto, ao impedir qualquer possibilidade de fraude.

O eleitor que não comparecer dentro do prazo estabelecido terá o título cancelado. Quem não fizer o cadastro também está impedido de obter passaporte, de participar de licitações, de tomar posse em cargos públicos e de se matricular em instituições públicas de ensino.

 


Notícias Relacionadas »
Comentários »
WhatsApp
Atendimento
Fale conosco pelo Whatsapp