22/06/2017 às 09h23min - Atualizada em 22/06/2017 às 09h23min

Paulo Hartung cria fundo com R$ 50 milhões para a Região Sul e anuncia barragens em nove municípios

Governo do ES

As ações e os investimentos do Governo para a região Sul e o Caparaó capixaba não param. Na tarde desta quarta-feira (21), na abertura da ExpoSul Rural, em Cachoeiro de Itapemirim, o governador Paulo Hartung sancionou a lei que cria o Fundo de Desenvolvimento Econômico Regional do Sul do Estado do Espírito Santo (Fundesul), que fomentará projetos privados que gerem emprego e renda na região. Além disso, foi assinado acordo com oito prefeituras para a elaboração do projeto de oito barragens.

Além do governador, participaram do evento e da assinatura dos atos o secretário de Estado da Agricultura, Octaciano Neto, o secretário de Estado de Desenvolvimento, José Eduardo Azevedo, além de demais autoridades estaduais e dos municípios.

Na ocasião, foi assinado o termo de cooperação técnica para contratação e elaboração de oito projetos de barragens nos seguintes municípios: Alegre, Castelo, Conceição do Castelo, Guaçuí, Ibatiba, Irupi, Jerônimo Monteiro e Muqui. Neste acordo, a Secretaria de Estado da Agricultura, Abastecimento, Aquicultura e Pesca (Seag) ficará responsável pelo projeto e pela execução da obra, enquanto as prefeituras ficam responsáveis pelo licenciamento, pela outorga, além da titularidade das terras. Será investido R$ 1,4 milhão nos projetos.

A previsão é de que os projetos sejam concluídos em seis meses. Em seguida, será aberto o processo licitatório para a contratação de empresa para a execução da obra. A quantidade de armazenamento dos reservatórios e a extensão da área que a barragem ocupará serão definidas de acordo com os projetos que serão elaborados.

Também foi assinado acordo com a Prefeitura de Presidente Kennedy, que ficará responsável pela contratação e pela elaboração do projeto de três barragens, enquanto a Seag executará as obras. De maneira pioneira, o Município licitará na próxima segunda-feira(26) o serviço de elaboração de projetos executivos para a construção de cinco barragens: Cacimbinha, Caetana, Mineirinho, Criador e Fazendinha.

O governador Paulo Hartung reforçou que o Fundesul é uma ferramenta para dar mais competitividade aos municípios que fazem parte da Região Sul do Estado. Hartung acredita que com o Fundo será possível viabilizar e direcionar recursos, de diferentes origens, em temas de interesse comum da região. Segundo o governador, a abertura de uma unidade do Banco do Desenvolvimento do Espírito Santo (BANDES) vai auxiliar na oferta de linhas de crédito para apoiar empreendedores locais.

"Queremos que o Fundesul sirva como uma alavanca de desenvolvimento aos diversos negócios e empreendedores para que possamos criar outras bases econômicas diversificadas aqui na Região Sul do Espírito Santo. Além disso, hoje é um dia importante, pois a ExpoSul marca, com uma atuação conjunta dos municípios da região, a retomada do crescimento e  da melhoria da qualidade de vida da população, dando mais oportunidades e condições de igualdade, principalmente, para nossos jovens", destacou Paulo Hartung.

"O Governo do Estado nunca teve um programa de construção de barragens. E hoje, na ExpoSul, pelo simbolismo da feira, estamos lançando o edital para a contratação do projeto de oito barragens na região Sul e no Caparaó. O Programa já faz sucesso no Norte do Estado e agora vem para a região garantir a reservação hídrica", disse Octaciano Neto, secretário de Estado da Agricultura.

A ExpoSul Rural é uma feira de negócios com foco em sustentabilidade, tecnologia e inovação e envolve 29 municípios, em atividades variadas das cadeias produtivas do meio rural. O evento segue até o próximo sábado (24), em Cachoeiro de Itapemirim.

Fundesul

O Fundesul é uma iniciativa do Governo do Estado para fomentar projetos de investimentos privados para as microrregiões Caparaó, Central Sul e Litoral Sul, que possam resultar direta ou indiretamente na geração de emprego e renda.

O fundo será gerido pelo Banco de Desenvolvimento do Espírito Santo (Bandes) e atenderá 27 municípios do sul capixaba, impactando uma população de cerca de 700 mil habitantes. 

Para a instalação do Fundesul, haverá um aporte de R$ 50 milhões do Estado. Os municípios também poderão alocar recursos próprios e se tornarem cotistas remunerados pelo Fundo. O início das operações está previsto para o próximo mês de agosto. Um escritório do Bandes será instalado em Cachoeiro de Itapemirim, para facilitar ainda mais o contato com os empreendedores locais.

 "O Fundesul vai replicar o papel que o Banco do Nordeste cumpre no Norte do Estado. Terá condições de apoiar o agronegócio, o comércio e a indústria", disse o secretário de estado de Desenvolvimento, José Eduardo Azevedo.

Aroldo Natal, diretor-presidente do Bandes, disse que “promover o desenvolvimento, gerar empregos e renda de forma equilibrada e sustentada passa necessariamente pelo estímulo aos investimentos e pelo crédito planejado. O Fundesul cumprirá, nesse sentido, papel importante para fomentar o desenvolvimento”.

Programa Estadual de Construção de Barragens

O Programa Estadual de Construção de Barragens prevê o investimento de R$ 60 milhões, por meio de recursos da Secretaria de Estado da Agricultura, Abastecimento, Aquicultura e Pesca (Seag), para a implantação de 60 reservatórios de água no interior do Estado até 2018.

A estimativa é que, com a implantação de todas as barragens, sejam armazenados 67,2 bilhões de litros de água: o suficiente para abastecer 1,2 milhão de pessoas durante um ano, ou irrigar 22 mil hectares de café.


Notícias Relacionadas »
Comentários »
WhatsApp
Atendimento
Fale conosco pelo Whatsapp