08/12/2021 às 16h32min - Atualizada em 09/12/2021 às 00h20min

Fraudes com pagamentos on-line crescem 208% antes da Black Friday, segundo dados

Com os novos meios de pagamento, o movimento de fraude se intensificou

DINO
https://www.unitfour.com.br/

Segundo relatório "Black Friday 2020: como fazer compras sem cair em armações", da empresa internacional de cibersegurança Kaspersky, durante os 10 primeiros meses deste ano, os mecanismos de segurança da organização barraram mais de 40 milhões de tentativas de phishing (ameaças virtuais, também conhecidas como crimes cibernéticos) que utilizavam, de forma indevida, marcas de e-commerce e bancos.

O fenômeno teve seu ápice no período entre os meses de setembro e outubro, momento em que as tentativas de phishing financeiro, com o tema de pagamento digital, cresceram 208% - indo de 627.560 notificações em setembro para 1.935.905 em outubro, mais que o dobro. O relatório da Kaspersky serviu de alerta aos lojistas para que conseguissem enfrentar a Black Friday deste ano, que ocorreu no dia 26 de novembro, com segurança - que pode ser garantida, por exemplo, a partir de um sistema antifraude.

Importante ressaltar que, quando o comércio começou a sua recuperação após os 18 meses mais complicados, com as pessoas retornando às lojas físicas, a pesquisa da Kaspersky não observou fraude típica de phishing, abusando de compras via e-commerce.

Meios de pagamento recentes como alvo de fraudes

Com o surgimento de novos meios de pagamento, como o PIX, por exemplo, o movimento de fraude se intensificou, crescendo também as campanhas de spam. Ainda segundo a Kaspersky, foram percebidos mais de 220 mil e-mails ativos e com um possível caráter de fraude, com termos como "Black Friday", durante o período de 27 de outubro a 19 de novembro.

De acordo com o analista sênior de segurança da empresa no Brasil, Fabio Assolini, sempre foi percebido um movimento mais forte de fraude na época de Black Friday, mas que é surpreendente toda a atenção aos pagamentos digitais. Assolini ainda aponta dicas para o período: "para manter seus dados e dinheiro protegidos, uma prática de segurança importante é verificar se o endereço da página de pagamento on-line está correto. Os criminosos normalmente criam sites com endereços similares ao verdadeiro. Na dúvida, confira qual o site oficial antes de inserir qualquer dado ou sua senha", diz.

Outras dicas de segurança ainda podem ser encontradas quando o assunto é segurança, como desconfiar de mensagens que chegam por meio de e-mail ou aplicativo de mensagens, principalmente as que dizem sobre compras digitais, pagamentos e instituições bancárias. Novamente, realizar a conferência do endereço do link e ortografia também é válido; e, por fim, desconfiar de ofertas muito generosas.

Plataformas mais utilizadas como isca

A pesquisa da Kaspersky ainda investigou as plataformas mais usadas como isca para que pessoas sejam atraídas para os golpes de phishing. Entre os nomes apresentados estão a Amazon, no topo da lista, o eBay, Alibaba e Mercado Livre.



Website: https://www.unitfour.com.br/
Notícias Relacionadas »
Comentários »
WhatsApp
Atendimento
Fale conosco pelo Whatsapp