28/01/2022 às 15h54min - Atualizada em 28/01/2022 às 15h54min

Piloto capixaba de rally é encontrado morto no Ceará após buscas

Daniel Santos, 36 anos, da cidade de Nova Venécia, participava de competição na categoria motos e desde esta quarta-feira (26) estava desaparecido.

Da Redação

Um bombeiro que atuava nas buscas do piloto capixaba Daniel Santos, que participava do Rally Cerapió 2022, confirmou a morte do atleta da cidade de Nova Venécia, Noroeste do Espírito Santo na noite desta quinta-feira (27). Daniel Santos, de 36 anos, participava da competição na categoria motos, no Ceará, e desde quarta-feira (26) estava desaparecido.

O corpo de Daniel foi encontrado no início da noite desta quinta-feira (27). Segundo a organização do evento, o piloto foi encontrado deitado em uma área de trilha no distrito de Ubatuba, em Granja, no Ceará. A moto do piloto foi encontrada em pé próximo ao corpo e com o capacete. 

Ainda não há informações sobre a causa da morte. O Corpo de Bombeiros e perícia foram ao local.

"Em relação ao piloto que estava desaparecido no Cerapió, o corpo foi encontrado. As equipes do salvamento e do canil estão indo para o local. E, infelizmente, o corpo foi encontrado em óbito", revelou um dos bombeiros que participava da operação.

Todas as autoridades foram acionadas, como a Secretaria de Segurança do Estado do Ceará, que enviou bombeiros, policiais militares e civis, Coordenadoria Integrada de Operações Aéreas (Ciopaer) e canil para auxiliar nas buscas na região de Viçosa, Buira, Juá dos Vieiras, Padre Vieira, Cocal, Brejinho, entre os estados do Ceará e Piauí, local por onde o evento passou.

A equipe de resgate da prova estava na trilha e realizava as buscas desde às 23h desta quarta-feira. O Rally Cerapió é uma competição de enduro de regularidade, na qual o piloto realiza um trajeto de um ponto a outro, em um percurso previamente levantado pela organização e informado ao competidor através de uma planilha.

Geralmente, a prova tem duração entre seis e dez horas. Ao terminar a etapa, o participante entrega seu GPS para a apuração. É através desse sistema que é verificado o percurso feito pelo piloto e definido o vencedor de acordo com a regularidade estabelecida pela planilha.

Como há situações de quebra de equipamento, quedas, entre outras ocorrências, é comum os competidores aguardarem os processos de resgate e demorarem para voltar para o local da chegada.


Notícias Relacionadas »
Comentários »
WhatsApp
Atendimento
Fale conosco pelo Whatsapp