08/12/2021 às 12h02min - Atualizada em 08/12/2021 às 13h20min

Capacidade de Passageiros de Companhias Aéreas Deve Crescer 47% em 2022

A Cirium prevê que a capacidade mundial irá encerrar 2021 a níveis de 2006.É previsto que o crescimento da capacidade em 2022 se recupere no fim do ano até os níveis de 2015.Os voos domésticos na China aumentaram 6% em comparação com os níveis antes da pandemia em 2019.78% dos voos mundiais rastreados em 2021 foram domésticos; os voos internacionais mostram um crescimento de 6% em 2021 em comparação com 2020.A frota comercial mundial em serviço irá aumentar de 17.000 no fim de 2021 a 20.700 no fim de 2022.

DINO

A Cirium, empresa de análise de aviação mundial, lançou sua segunda revisão anual 'Airline Insights Review', que revela um setor em recuperação e preparada para um crescimento projetado de 47% na capacidade (o número de assentos em voo) em 2022. Este aumento expressivo indica que a capacidade pode retornar a níveis de 2015 até o fim do próximo ano.

Este comunicado de imprensa inclui multimédia. Veja o comunicado completo aqui: https://www.businesswire.com/news/home/20211208005737/pt/

Airlines are poised for a projected 47% growth in capacity (by seats flown) in 2022, as revealed in Cirium's new Airline Insights Review. (Graphic: Business Wire)

Airlines are poised for a projected 47% growth in capacity (by seats flown) in 2022, as revealed in Cirium's new Airline Insights Review. (Graphic: Business Wire)

Airlines are poised for a projected 47% growth in capacity (by seats flown) in 2022, as revealed in Cirium's new Airline Insights Review. (Graphic: Business Wire)

No ano passado, a pandemia e suas consequências acabaram com 15 anos de crescimento da capacidade mundial de passageiros - com base no número total de assentos em voo - em questão de meses, ao reduzir a capacidade de voo de 2020 a níveis vistos pela última vez em 2005.

Embora a recuperação tenha variado em 2021, a capacidade mundial está prevista para retornar a níveis de capacidade vistos em 2006 até o fim do ano.

As regiões com fortes mercados domésticos mostraram uma recuperação acelerada este ano - em particular nos EUA e na China. Na verdade, os voos domésticos chineses aumentaram 6% em comparação com os níveis antes da pandemia em 2019.

De todos os voos rastreados de janeiro a 31 de outubro em todo o mundo, 78% foram voos domésticos. Os voos internacionais experimentaram uma recuperação lenta com muitas restrições em vigor até o quarto trimestre de 2021, e algumas restrições ainda em vigor, dependendo das rotas. De fato, os voos internacionais tiveram um crescimento de 6% em 2021 em comparação com o mesmo período em 2020.

"O ano passado teve seus desafios, pois continuamos a enfrentar casos flutuantes de novas variantes COVID-19 - mais recentemente, a Ômicron - e programas de vacinação variados por país. Há luz no fim do túnel, pois vemos a reabertura dos corredores de viagens internacionais. Contudo, continuaremos acompanhando este impulsoàmedida que novas variantes surgem e esperamos que as análises valiosas em nosso relatório 'Airline Insights Report' ajudem a navegar pelo que está por vir", disse Jeremy Bowen, Diretor Executivo da Cirium.

Cirium prevê um ano de aceleração em 2022

"Os especialistas da Cirium analisaram os dados de 2021 e formularam previsões para 2022 e mais além. Perto do fim de 2022, a capacidade mundial irá retornar a níveis de 2015, conforme vemos um aumento expressivo em mais passageiros voando."

"No relatório 'Airline Insights Report' da Cirium, incluímos Sete Coisas a Buscar em 2022 para permitir que o setor tenha uma percepção destas previsões e use as mesmas para antecipar os desenvolvimentos do mercado e tomar decisões bem informadas", acrescentou Bowen.

À medida que mais passageiros voltam a voar, isto significa que o tráfego doméstico mundial (medido em número de passageiros) deve voltar a níveis antes da pandemia até o fim de 2022. O tráfego internacional de passageiros provavelmente irá alcançar dois terços dos níveis de 2019.

As projeções da Cirium mostram que a frota mundial de passageiros em serviço irá aumentar a 20.700 até o fim de 2022 - apenas algumas centenas a menos do que no fim de 2019 - antes da pandemia.

A lenta recuperação das viagens de negócios vista até agora irá mudar em 2022, com previsões do setor de que haverá um aumento de 36% nas viagens de negócios ano a ano. Segundo dados da Cirium, os eventos de negócios acompanhados online já vêm aumentando para o próximo ano.

As conversões de aviões de passageiros em cargueiros continuarão aumentando e em 2022, com um total potencial de 160 aviões de passageiros convertidos em cargueiros - superando os números de conversão anteriores.

Os valores de aeronaves e as taxas de locação sofreram um golpe sem precedentes nos últimos 12 meses, contudo a Cirium sugere que alcançaram o fundo do poço, pois os valores e as taxas de locação para muitos tipos de aeronaves se estabilizaram e alguns estão melhorando. Alguns tipos de aeronaves irão se manter de guarda no próximo ano, incluindo o Airbus A350 e o Boeing 787.

A Cirium prevê que as companhias aéreas irão depender cada vez mais de parcerias para transportar passageiros a mercados domésticos de parceiros em 2022. Isto irá significar uma mudança nas companhias aéreas que voam em mercados secundários após a pandemia e, em vez disto, verá as mesmas fazendo uso de suas companhias aéreas de parceria para transportar passageiros a cidades secundárias.

À medida que mais voos voltam a ocorrer, não é surpresa que as emissões de CO2 aumentem no próximo ano - as emissões de CO2 dos voos em 2021 foram 40% menos do que antes da pandemia. Entretanto, as companhias aéreas estão devolvendo ao serviço frotas mais eficientes em termos de combustível e a sustentabilidade se tornou a dianteira e o centro da aviação, com muitos olhando para o consumo de combustível e como alcançar os alvos de zero emissão até 2050.

“A Cirium prevê que o retornoànormalidade dará início a um maior foco em práticas de viagens sustentáveis, incluindo aeronaves mais novas e mais econômicas, e a capacidade de medir mais de perto o impacto das viagens aéreas nas emissões mundiais de gases de efeito estufa", disse Bowen.

Para ler todo o Cirium Airline Insights Review 2021, incluindo as sete previsões para 2022, clique aqui.

O relatório '2021 Airline Insights Report' é o conjunto de análises de especialistas da Cirium cobrindo uma ampla gama de temas que envolvem companhias aéreas no núcleo e o setor de aviação que as envolve. O relatório cobre:

  • Principais rotas de voo e aeroportos em 2021
  • O estado atual do tráfego mundial de passageiros, capacidades e frotas
  • Iniciativas de sustentabilidade no setor aéreo
  • Startups aéreas e novas rotas de voo em 2021
  • Média de passagens aéreas nos principais mercados
  • Destaques na APAC e na América Latina

O texto no idioma original deste anúncio é a versão oficial autorizada. As traduções são fornecidas apenas como uma facilidade e devem se referir ao texto no idioma original, que é a única versão do texto que tem efeito legal.


Contato:

Para consultas da mídia:

Rachel Humphries, Cirium em [email protected]

Mike Arnot, Julliett Alpha em [email protected]

Paul Charles/Michael Johnson/Callum McGoldrick, PC Agency em [email protected]


Fonte: BUSINESS WIRE
Notícias Relacionadas »
Comentários »
WhatsApp
Atendimento
Fale conosco pelo Whatsapp