25/05/2015 às 18h26min - Atualizada em 25/05/2015 às 18h26min

Prefeita de Presidente Kennedy presta contas na Assembleia Legislativa

Web Ales
A prefeita de Presidente Kennedy, Amanda Quinta Rangel, apresentou os avanços e desafios de sua administração durante a reunião da Comissão de Petróleo e Gás da Assembleia Legislativa do Espírito Santo (Ales) desta segunda-feira (25). O convite foi feito, entre outros fatores, depois que o município do sul capixaba foi alvo de críticas na mídia nacional por apresentar baixo Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) apesar de ter a maior arrecadação por habitantes do Brasil. 
 
A prefeita abordou as finanças do município que, até abril deste ano, somava mais de R$ 981,5 milhões em caixa de recursos advindos exclusivamente dos royalties de petróleo. De acordo com ela, desde que assumiu a chefia do executivo, investiu o montante total aproximado de R$ 300 milhões em diversas áreas, como saúde, educação e habitação, sendo que R$ 120 milhões foram destinados somente para obras e infraestrutura. “Ao assumir essa administração não pensava em alcançar tantas obras”, afirmou. 
 
Preocupada com o futuro, explicou que todos os recursos investidos vêm de rendimentos da aplicação dos royalties em instituições bancárias. “Essas aplicações são feitas em fundos e esses rendimentos usamos em obras de infraestrutura e serviços da prefeitura. Aplicamos em asfalto, saneamento, calçamento, reformas e ampliações de escolas, construção de unidades de saúde, saneamento de água e esgoto e drenagem também que é uma das grandes necessidades que o municípios têm”, explicou.
 
Segundo a prefeita, os investimentos incluem ainda bolsa de estudo, transporte escolar, investimentos na saúde, aquisição de leitos e consultas especializadas. Perguntada sobre os desafios, ela revelou que quer “mudar a página negativa”. 
 
“O desafio é mudar essa página, deixar de ser matéria negativa e mostrar que o município tem de melhor. O povo de Kennedy é um povo muito hospitaleiro, acolhedor. A autoestima da população já melhorou muito com esse canteiro de obras como eu bem coloquei”, afirmou.
 
Para o deputado Nunes (PT) o encontro foi uma oportunidade no sentido de debater a questão dos royalties. Gilsinho Lopes (PR) salientou que a mídia tem dado muito enfoque sobre a situação do município. “Estive em Presidente Kennedy e pude conversar com muitas pessoas. Então é importante a prefeita estar aqui apresentando os projetos e suas ações. Temos como papel auxiliar e fazer com que o Estado saia desses noticiários negativos”, ressaltou. Almir Vieira (PRP) se colocou à disposição para alavancar a administração da cidade.
 
A deputada Luzia Toledo (PMDB) avaliou como positiva a prestação de contas. “Acho que o Espírito Santo precisava dessa informação dada por Vossa Excelência. Mas de qualquer forma, fico feliz de ver as obras que estão sendo feitas. Presidente Kennedy não poderia ter outras atitudes que não sejam contratar os melhor profissionais para ‘vestir’ o município, principalmente a questão de saneamento básico”. 
 
Durante o balanço de sua gestão à frente do município, que assumiu há pouco mais de dois anos, a prefeita destacou diversas ações, como o calçamento de ruas com drenagem pluvial e rede coletora de água e esgoto; a construção de 220 casas populares; obras de saneamento básico que devem cobrir 80% do território da cidade. “Do que vale atrair investimentos se nem água e esgoto tratados temos no município”, salientou.
 
Na educação, foram investidos mais de R$ 50 milhões entre 2013 e 2015, para melhorias como a reforma de 12 escolas rurais, construção de duas creches, além de aumento salarial e capacitação de professores, e concessão de bolsas técnicas e universitárias. Nesse mesmo período, foram destinados R$ 35 milhões para a área da saúde, recurso usado para a construção de três unidades básicas de saúde, atendimentos ambulatoriais, fornecimento de medicamentos e construção de um centro de especialidade, entre outras ações.
 
O deputado Marcelo Santos (PMDB) aprovou a apresentação. Para ele, a atual gestão sofre por causa da falta de planejamento anterior. “Avalio que as administrações anteriores não fizeram o dever de casa. Os investimentos em infraestrutura estão claros, são grandes”. O parlamentar convidou a prefeita para uma visita ao município de Rio das Ostras nesta quinta-feira (28), considerado modelo na aplicação dos royalties do petróleo, e disse que também gostaria de fazer uma visita à Presidente Kennedy.
 
“Rio das Ostras é considerado como um dos municípios que melhor aplicaram esses recursos. O intuito dessa comissão é de fazer visita e conhecer como o prefeito de lá vem gerindo a cidade. Fiquei muito feliz com o que foi apresentado aqui”, concluiu.

Notícias Relacionadas »
Comentários »
WhatsApp
Atendimento
Fale conosco pelo Whatsapp