30/06/2020 às 18h54min - Atualizada em 01/07/2020 às 00h06min

A Influência do neuromarketing na lógica do consumo

A atuação do neuromarketing na tomada de decisão do consumidor é pauta de estudos pelo mundo todo, pois une a neurociência, a psicologia e o marketing. Essa prática incentiva as empresas a se reinventarem e adotarem novas estratégias de venda.

DINO
http://tagplus.com.br/?ref=dino_direto_neuromarketing

O avanço da tecnologia influencia diretamente no comportamento da sociedade como um todo, principalmente quando se trata de hábitos de consumo. Esse cenário obriga as empresas a se reinventarem e adotarem novas estratégias de venda para que essas necessidades sejam supridas. Uma delas é o neuromarketing, estudo que une a neurociência, a psicologia e o marketing.

O neuromarketing é o estudo que analisa a mente do consumidor objetivando compreender de que forma os estímulos produzidos pelas campanhas publicitárias influenciam na escolha por determinado produto, serviço ou marca. Ou seja, é o acompanhamento do raciocínio humano desde o recebimento da mensagem inicial até o momento decisório de compra.

Dentre as três áreas incluídas no estudo do neuromarketing, a neurociência atua com o uso da ressonância magnética para descobrir quais estímulos afetam qual parte específica do cérebro e como se relaciona com o desejo de compra, o marketing é o que cria esse estímulo para gerar o tipo de comportamento esperado, e a psicologia avalia todo o contexto do experimento, tendo como base as reações do objeto de pesquisa.

Diante disso, compreende-se que para que uma decisão possa ser tomada, três mecanismos cerebrais são estimulados: o instinto, a razão e a emoção. As campanhas publicitárias têm o poder de provocar os sentidos com o uso de cores, cheiros, imagens, textos, texturas e símbolos, sendo que os cinco sentidos físicos também fazem parte da estratégia do brandsense. 

A persuasão é um importante ponto que se relaciona com neuromarketing, já que a utilização dos sentidos como forma de influenciar a compra é, de fato, um ato persuasivo no qual as marcas são capazes de mostrar os benefícios que os consumidores terão ao adquirir o que foi ofertado, seja produto ou serviço. Sendo assim, a persuasão é vista como uma ferramenta para conquistar e fidelizar clientes.

Assim, conclui-se que o neuromarketing só tem a acrescentar no campo do marketing de vendas e da compreensão do comportamento do consumidor. Além de servir como fonte relevante de dados para a criação de estratégias do marketing, pode ser um diferencial competitivo para que as organizações se destaquem no mercado atual. 



Website: http://tagplus.com.br/?ref=dino_direto_neuromarketing
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
WhatsApp
Atendimento
Fale conosco pelo Whatsapp