01/06/2020 às 10h33min - Atualizada em 01/06/2020 às 10h33min

Vereador repudia medida do TJES e cobra ação de líderes políticos do município

Da Redação
O vereador Daniel Gomes publicou um vídeo na última quinta-feira(28) em tom de indignação, repudiando a medida do TJES de integrar a comarca de Presidente Kennedy com a de Marataízes (veja vídeo abaixo).

No vídeo ele cobra de líderes políticos de Presidente Kennedy, que nas eleições estaduais apoiaram candidatos a deputados da região norte do Estado e agora não olham para o município, cobrando também a mobilização desses líderes em prol da população.

O vereador pediu a união dos vereadores e executivo municipal para tentar manter a comarca no município.

O Tribunal de Justiça do Espírito Santo (TJES) decidiu, por unanimidade de votos, integrar comarcas em todo o Estado para cortar gastos. Com isso, 28 municípios perderão suas unidades e serão atendidos por comarcas vizinhas, entre elas, Presidente Kennedy, que passará a ser atendida por Marataízes. A decisão foi tomada durante sessão do Pleno nesta quinta-feira (28). Estima-se que serão economizados mais de R$ 12 milhões por ano com a medida, só com a suspensão em Presidente Kennedy, estima-se uma economia de mais de R$ 700 mil por ano.

"RETROCESSO PARA A SOCIEDADE", CRITICA AMUNES 

A Associação dos Municípios do Estado do Espírito Santo (Amunes) criticou a decisão do Judiciário e disse que a integração de comarcas vai trazer prejuízo aos cidadãos, principalmente aos que vivem no interior do Estado. "É um serviço que deixa de ser ofertado à população , um retrocesso para a sociedade. No interior o impacto será ainda maior, refletindo nas áreas sociais e de segurança pública, impactando negativamente na rotina dos municípios. A Amunes em assembleia já se posicionou contra e lamenta a decisão do Tribunal de Justiça", registra nota da associação.


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
WhatsApp
Atendimento
Fale conosco pelo Whatsapp