27/03/2015 às 15h20min - Atualizada em 27/03/2015 às 15h20min

Nem cachorro escapa de tiroteio que deixou comerciante e adolescente feridos em Cariacica

O menor baleado é acusado de participar de um ataque ao bairro. Ele teria sido baleado na cabeça pelo comerciante, que foi ferido com um tiro no joelho

Folha Vitória
O cachorro foi baleado na pata durate a troca de tiros Foto: TV Vitória

Um comerciante, de 40 anos, e um adolescente, de 14 anos, foram baleados durante um tiroteio, que aconteceu na noite da última quinta-feira (26), no bairro Vila Merlo, emCariacica. 

De acordo com moradores da região, foram cerca de cinco minutos de tiros, e o bairro parecia estar em guerra. “Eu escutei aquele tiroteio, foi muito tiro mesmo. Mais de 20 tiros. Eu não vi quem foi, a única coisa que eu consegui fazer foi pegar o meu neto e me trancar no banheiro”, contou uma moradora. 

Durante o tiroteio até um cachorro que estava na rua foi atingido na pata. Uma das vítimas seria um comerciante. Os criminosos chegaram atirando contra ele, que estaria armado e teria revidado, atingindo um dos suspeitos, o menor de 14 anos.

O comerciante foi atingido com um tiro no joelho, já o menor com dois tiros na cabeça. Os dois foram levados para o Hospital São Lucas, em Vitória. Na mesma rua o sobrinho do comerciante foi alvo de bandidos na semana passada.  

“Eu não sei qual é o motivo, porque não devo nada para ninguém. Nunca dei tiro, nunca peguei dinheiro. Não sei se é raiva que eles têm da minha família. Deve ser alguma coisa”, disse o sobrinho.

Familiares acreditam que todos estes ataques têm relação com a morte de tio e sobrinho no mesmo bairro, em junho do ano passado. Os dois levaram vários tiros, bem em frente ao comércio da família. 

“Na verdade existe uma guerra entre os grupos de Vila Merlo e Morro Novo. Na noite de ontem [na última quinta-feira (26)] houve uma guerra entre as gangues. Foi um ataque feito pelo grupo de Morro Novo, segundo informações que nos foram passadas”, afirmou o delegado Marcelo Cavalcante. 


Notícias Relacionadas »
Comentários »
WhatsApp
Atendimento
Fale conosco pelo Whatsapp