01/11/2019 às 10h22min - Atualizada em 01/11/2019 às 10h22min

Passageiros protestam contra superlotação em ônibus da Costa Sul

Da Redação

Mais uma vez a Viação Costa Sul é alvo de protestos contra superlotação de seus ônibus no trecho entre Cachoeiro de Itapemirim a Presidente Kennedy.

Na manhã desta sexta-feira (1º), no ônibus do horário de 5h45, passageiros que estavam pé se recusaram a entregar o vale-transporte ao cobrador para marcação de passagem, isso em protesto por conta da superlotação que ocorre todos os dias neste horário.

Em fevereiro e maio do corrente ano, a Costa Sul também recebeu reclamações de superlotação em seus ônibus.

Segundo informações, em contrapartida, o motorista parou o ônibus e chamou a polícia para tentar resolver a situação. Passageiros revoltados desceram do ônibus e chamaram a impressa local para expor a situação que é recorrente. Uma equipe de uma emissora de TV também esteve no local para fazer cobertura do episódio.

"É uma humilhação o que passamos todos os dias. Pagamos um passe caro e temos que ficar em pé todos os dias no ônibus. Essa falta de respeito acontece todos os dias com professores, cuidadores, enfermeiros e tantos outros profissionais que saem pra trabalhar cedo e não  tem o mínimo de respeito por parte da Costa Sul", disse uma passageira que prefere não se identificar a redação do Kennedy em Dia.

A maioria dos passageiros desse horário são funcionários da prefeitura de Presidente Kennedy que fazem esse trajeto todos os dias.


Um outro ônibus foi enviado e a situação só foi resolvida por volta de 8h15 da manhã. 

"Saímos de lá umas 8h15. Foi resolvido apenas a situação de hoje, não sabemos se na segunda-feira teremos dois ônibus, mas a expectativa é que sim", disse a passageira.


Dos funcionários da prefeitura que possuem passe, é descontado 6% do salário e o restante é pago pela municipalidade.

Só um dos passageiros dessa linha relatou que tem um custo mensal de R$ 473,00 com vale-transporte (foto abaixo na galeria).


 

Ouça a Rádio Cachoeiro FM:


Notícias Relacionadas »
Comentários »
WhatsApp
Atendimento
Fale conosco pelo Whatsapp