29/07/2019 às 11h20min - Atualizada em 29/07/2019 às 11h20min

Morre a diplomata cachoeirense Cynthia Bugané

Ela residia em Chicago, onde exercia a função de cônsul-geral adjunto no consulado geral do Brasil

Fato

 

A diplomata cachoeirense Cynthia Altoé Vargas Bugané, de 53 anos, foi encontrada morta no último sábado (27). Ela exercia a função de cônsul-geral adjunto no consulado geral do Brasil em Chicago, onde morava há anos.

O Ministério das Relações Exteriores publicou neste domingo (28) um comunicado oficial sobre o falecimento. "Aos familiares e aos amigos da diplomata o Ministro Ernesto Araújo e sua esposa Maria Eduarda, em nome de toda a Casa, estendem suas profundas condolências e solidariedade."

De acordo com conhecidos, Cynthia sofria de depressão.

O corpo da diplomata foi cremado na cidade americana.  


Notícias Relacionadas »
Comentários »
WhatsApp
Atendimento
Fale conosco pelo Whatsapp