21/11/2018 às 10h31min - Atualizada em 21/11/2018 às 10h31min

PRF e Gaeco desarticulam quadrilha especializada em alteração de carros na GV

Os trabalhos são realizados sob a coordenação do GAECO/Central, com participação de membros dos GAECOS da Bahia e de Minas Gerais, com 150 Policiais Rodoviários Federais e Policiais Militares

Folha Vitória
Foto: Divulgação PRF

 

 
 
 

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) e o Ministério Público do Estado do Espírito Santo (MPES), por meio do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (GAECO), com apoio do Núcleo de Inteligência da Assessoria Militar do MPES, deflagraram no início da manhã desta quarta-feira (21), a Operação Raptores.

A ação cumpre 36 mandados de prisão, busca e apreensão no Espírito Santo, Bahia e Minas Gerais. Um deles está sendo cumprido em um condomínio de Itaparica, em Vila Velha. Uma quadrilha do Estado é acusada de falsificar documentos de instalação de guinchos de carretas. Segundo as investigações os veículos tinham uma capacidade de carga aumentada de forma clandestina e sem passar por vários critérios e exigências dos órgãos de fiscalização, o que aumentava o risco nas estradas federais.

De acordo com informações passadas pela PRF, o objetivo é desarticular e colher provas da atuação de associações criminosas especializadas em modificações e alterações ilegais de veículos e em dados cadastrais veiculares junto aos Departamentos Estaduais de Trânsito (DETRANS).

 

 

 


Notícias Relacionadas »
Comentários »
WhatsApp
Atendimento
Fale conosco pelo Whatsapp