02/08/2022 às 12h50min - Atualizada em 02/08/2022 às 13h00min

Venda de "anéis solitários" é opção em tempo de recorde de divórcios

Em 2021 houve grande registro de separações e passar a peça adiante pode ser bom financeira e emocionalmente

DINO
http://www.vecchiojoalheiros.com.br

De acordo com o Colégio Notarial do Brasil, que representa mais de 8.500 cartórios de notas no país, o número de divórcios bateu recorde em 2021, quando foram registradas 80.573 separações contra 77.509 no ano anterior. Só nos primeiros meses de 2022, já são mais de 17 mil. Sendo a aliança ou anel de casamento símbolos da união, especialista em joias indica o que considerar para a venda das peças.

Avner Itshak Mazuz, CEO da Vecchio Joalheiros, explica que esse tipo de joia tem um forte apelo emocional e que a venda, muitas vezes, pode significar o fechamento de um ciclo, além, claro, da vantagem financeira. Como toda questão que envolve emoções é delicada, o especialista indica o que considerar entre a decisão de venda e a operação propriamente dita. 

1 – O momento certo não existe: “Isso vai depender da história de cada um e nada deve apressar o processo. Geralmente, depende muito da jornada do casal e de como o relacionamento termina. Tem gente que se apega mais às lembranças, outros já querem virar a página de imediato. O fato é que vender o anel de casamento, agora um anel que chamamos de solitário, precisa ser uma decisão única e exclusiva do proprietário, sem interferências para não haver arrependimentos”, explica.

2 -  Informações sobre a joia e preços: “Existe o valor da joia, que é o que ela representa ou desperta, e o preço, que é quanto se paga por ela. O valor emocional não está relacionado às negociações de mercado. Muitas pessoas se decepcionam ao imaginar que aquela peça que é inestimável para elas pode não render tanto. Outras, por outro lado, se surpreendem positivamente com o que é ofertado. Por isso, é importante pesquisar e entender para que as expectativas estejam alinhadas”, continua.

3 – Venda confiável: “Além da prática ética e legalizada, empresas sérias do setor oferecem negociações seguras de ponta a ponta. Além disso, especialistas avaliam anéis e outras peças de forma completa, considerando características importantes que irão compor o preço final, como estado, tipo de material, pedras preciosas inclusas, entre outros aspectos. É comum que as pessoas se percam nesses detalhes e o suporte é importante para trazer conforto, principalmente em itens ligados a uma separação”, finaliza o executivo.

 



Website: http://www.vecchiojoalheiros.com.br
Notícias Relacionadas »
Comentários »
WhatsApp
Atendimento
Fale conosco pelo Whatsapp