13/12/2017 às 11h30min - Atualizada em 13/12/2017 às 11h30min

Preso em operação da Polícia Federal, presidente da Desportiva renuncia

Folha do ES

O presidente eleito da Desportiva renunciou ao cargo nessa terça-feira (12). Ele foi preso na semana passada por suspeita de tráfico de drogas.
 
Ele enviou carta ao conselho do clube e detalhou os motivos: “Cumprimentando-os cordialmente, comunico a Vossas Excelências a decisão que tomei em renunciar o mandato do cargo de Presidente do Conselho Diretor da Associação Desportiva Ferroviária, do qual fui eleito. A decisão é irrevogável e irretratável.”
 
Na carta, Edney disse que tem uma empresa de consultoria portuária e que recebeu uma ligação de um dos outros acusados para que se dirigisse ao endereço onde um contêiner com drogas foi encontrado.

Prisão
O presidente eleito da Associação Desportiva Ferroviária, Edney José da Costa, é um dos sete suspeitos presos na última quarta-feira (6) pela Polícia Federal (PF), em uma operação que apreendeu 246 quilos de cocaína.
A apreensão aconteceu entre os bairros Cobilândia e Rio Marinho, em Vila Velha. A droga estava dentro de um contêiner, misturada com uma carga de milho.
Segundo informações da Polícia Federal, aproximadamente 246 quilos de cocaína estavam prontos para serem encaminhados para o porto de Vila Velha.
 


Notícias Relacionadas »
Comentários »
WhatsApp
Atendimento
Fale conosco pelo Whatsapp