01/12/2021 às 23h31min - Atualizada em 02/12/2021 às 01h20min

Exile Content Studio cria nova divisão, Exile Kids, com Stephen Davis como presidente

DINO

O Exile Content Studio, um dos principais provedores de conteúdo de Hollywood para públicos de língua inglesa e espanhola no mundo inteiro, anunciou hoje que criou uma nova divisão, a Exile Kids, com o veterano executivo do entretenimento Stephen Davis como seu presidente.

Davis, que atuou como consultor para o Exile no ano passado após se aposentar de seu cargo como vice-presidente executivo e diretor de conteúdo da Hasbro, trabalhará com a equipe Exile para identificar e escalonar franquias globais para o estúdio, incluindo propriedade intelectual, aquisições, licenciamento e merchandising.

CITAÇÃO DO EXILE: “Há uma enorme demanda entre os latinos por conteúdo voltado para crianças, uma demanda que aumentará nos próximos anos, enquanto a proporção de crianças latinas nos Estados Unidos e em todo o mundo deverá aumentar. Sendo assim, criamos a Exile Kids, uma nova divisão para focar exclusivamente nesse público importante, e para liderar esse novo empreendimento, temos a sorte de contratar Steve Davis. Um dos mais experientes e respeitados executivos no setor, Steve é responsável por algumas das franquias infantis para televisão, filmes e produtos de consumo mais bem-sucedidas, mundialmente.”

Hoje, quase um terço da população latina do mundo e quase metade dela nos Estados Unidos tem menos de 18 anos, com hispanos representando um quarto das crianças do país e com expectativa de crescimento para um terço até 2050. Reconhecendo esta oportunidade, o Exile, desde sua fundação, prioriza conteúdo infantil, começando com sua série educacional de sucesso “Club Mundo Kids”, lançada em abril, e desenvolve atualmente oito séries infantis de animação e ação ao vivo. A Exile Kids é o próximo passo lógico e orgânico para a empresa.

Entre 2009 e 2020, Davis liderou a transformação da Hasbro de uma tradicional empresa de brinquedos e jogos para uma líder global em jogos e entretenimento e foi responsável por sucessos notáveis como a franquia multibilionária Transformers; GI Joe; My Little Pony; Micronauts; Dungeons and Dragons; Magic the Gathering; Ouija; Jem and the Holograms; Power Rangers; Monopoly; Taylor Swift: Journey to Fearless; Clue, entre outras. Davis também chefiou a divisão de licenciamento e produtos de consumo e publicação global da Hasbro, e administrou o contínuo interesse da Hasbro no Discovery Family Channel.

Antes de ingressar na Hasbro, Davis chefiou diversas empresas de entretenimento, entre elas a Family Entertainment Group LLC, Granada America e Carlton America, após uma passagem pelo Griffin Group, onde foi responsável pelos negócios de entretenimento e jogos digitais da Empresa.

Sobre o Exile Content Studio

O Exile Content Studios produz conteúdo de curta e longa metragem de alta qualidade em espanhol e inglês para um público global nas mais diferentes plataformas: TV, cinema, áudio e digital. O estúdio de serviços completos foi lançado em 2018, e sua premiada equipe coproduziu recentemente o Todo Va A Estar Bien com Diego Luna como showrunner e o Sueño Real, sobre o time feminino de futebol do Real Madrid, com a jornalista Ana Pastor. Antes do lançamento, a equipe do Exile produziu três temporadas de El Chapo para a Netflix e estava por trás do Science Fair, documentário aclamado pela crítica e vencedor dos prêmios Emmy e Sundance Audience, além do Who Killed Malcolm X e The Traffickers da Netflix.

O Exile segue desenvolvendo conteúdo original impactante e promovendo a diversidade no mundo do entretenimento em parceria com os melhores criadores latinos. Para reforçar seu compromisso em abrir o caminho para escritoras, diretoras e showrunners latinas, o Exile criou recentemente o Latina Talent Incubator – um programa criado para a descoberta e desenvolvimento de criadoras emergentes de conteúdo latino.

Para ficar atualizado sobre os futuros projetos do Exile, siga @ExileContent.

O texto no idioma original deste anúncio é a versão oficial autorizada. As traduções são fornecidas apenas como uma facilidade e devem se referir ao texto no idioma original, que é a única versão do texto que tem efeito legal.


Contato:

Marianna Morón Garcia

[email protected]


Fonte: BUSINESS WIRE
Notícias Relacionadas »
Comentários »
WhatsApp
Atendimento
Fale conosco pelo Whatsapp