25/10/2021 às 13h51min - Atualizada em 25/10/2021 às 14h20min

Hotéis reforçam acessibilidade para democratização do turismo

Por uma hotelaria mais democrática, hotéis implementam soluções que oferecem mais autonomia e liberdade para hóspedes PNEs e na melhor idade.

DINO
https://www.transamericagroup.com.br/

Quando se trata de decidir para onde viajar, a acessibilidade é uma questão decisiva para quem tem restrições de mobilidade. Por isso, muitos hotéis estão se mobilizando para oferecer soluções para democratizar o turismo e atender todos os públicos com a mesma hospitalidade.

Esse é o caso do FIT Transamerica Recife, localizado em Boa Viagem no Recife, que foi planejado para proporcionar mais acessibilidade e receber hóspedes PNEs e na melhor idade, levando em consideração a necessidade de cada um e tendo como prioridade o conforto que os empreendimentos da rede oferecem. Segundo Tereza Oliveira, gerente geral do hotel, para as áreas comuns, o objetivo foi possibilitar que pessoas com mobilidade reduzida pudessem usufruir de todos os serviços com autonomia. "O acesso à recepção e às áreas de lazer pode ser feito por meio de rampas para cadeirantes e piso tátil para deficientes visuais. Os elevadores também possuem sinalização em braile, piso tátil na entrada e rampas de acesso", afirma.

"Para os apartamentos, há estruturas diferenciadas para cada perfil. São 11 unidades adaptáveis/direcionadas para idosos e 11 para PNEs. Funcionários são treinados para agir com proatividade e cuidado nos detalhes, principalmente para quem tem qualquer restrição de mobilidade", complementa.

Segundo dados da ABAV (Associação Brasileira de Agências de Viagens), turistas no melhor da idade representam mais de 15% do público de agências de turismo e esses números só tendem a crescer com os avanços da medicina em qualidade de vida. Por isso, redes hoteleiras acreditam que oferecer conforto e segurança para essas pessoas deve ser a prioridade da hotelaria neste momento.

"Precisamos trabalhar por um turismo mais democrático com oportunidades para todos os viajantes", é o que acredita Eliana Jubert, gerente geral do Transamerica Executive Bela Cintra. Assim, como outros hotéis da Transamerica, o hotel conta que apostou em eficiência para a criação do projeto de suas acomodações adaptadas. "Nossas suítes foram equipadas com alarmes antipânico, camas com altura reduzida, cabideiro articulado, portas largas e corrediças, banco para banho, barras de segurança, pia e sanitário na altura ideal adaptada".

Outros elementos essenciais para os hotéis na jornada de democratização são rampas de acesso, sinalização em braile, piso tátil e banheiros comuns adaptados. Para o futuro, turismólogos acreditam que as cidades também devam criar espaços mais preparados para diferentes públicos, respeitando ao máximo as necessidades e proporcionando um ambiente agradável para todos.



Website: https://www.transamericagroup.com.br/
Notícias Relacionadas »
Comentários »
WhatsApp
Atendimento
Fale conosco pelo Whatsapp