29/02/2016 às 19h01min - Atualizada em 29/02/2016 às 19h01min

Vendedor vai atravessar o Espírito Santo de ponta a ponta

Carlos Eduardo Conceição vai percorrer 441 km. Objetivo dele é chamar atenção para a falta de patrocínio.

G1 ES

Já pensou em correr uma maratona diária durante 10 dias seguidos? É uma questão até difícil de se imaginar, mas tem gente que vai fazer isso, a partir desta segunda-feira (29), no Espírito Santo.

É o vendedor Carlos Eduardo Conceição, de 36 anos. E ele tem propriedade para realizar um desafio deste. Há um ano, atravessou o Espírito Santo de norte a sul, correndo. E agora ele vai repetir a dose. Ao todo serão 441 quilômetros, divididos em 10 dias de estrada.

Carlos fez a façanha ano passado sozinho. Desta vez, ele pediu que amigos e parentes o acompanhassem em certos pontos da travessia, mas ele sabe que na maioria do percurso será ele e sua força de vontade. Sem esconder que há muito desgaste no trajeto, Carlos garante que quer continuar esta missão por muito mais tempo.

“Já fiz uma vez e faço muitas outras vezes. Não é fácil. Lembro que mal conseguia andar durante à noite no quarto para beber água. Sendo que no outro dia eu teria que correr mais que uma maratona. Mas estou confiante. Mudei a quilometragem diária. Havia feito 60 quilômetros nos primeiros dias, e isso me desgastou muito. Agora eu vou fazer 44 diários. O sofrimento será menor”, acredita.

Pastor, Carlos Eduardo se apega à fé e força de vontade para concluir seu próprio desafio. “Se não for a fé a gente não consegue nada. Eu posso não ser o melhor corredor, mas
vontade aqui não falta”.

Apesar de ser um desafio pessoal, o corredor tem como objetivo chamar a atenção. Ele pretende participar do Circuito de Corridas, que reúne maratonas, meias maratonas e provas de 10 quilômetros espalhadas pelo Brasil.

“Eu, por duas vezes, fui o décimo melhor brasileiro colocado do Circuito. Tenho a melhor colocação entre os capixabas. Então quero continuar participando das provas, por isso faço este desafio para que as pessoas possam me ver e apoiar. Precisa viajar muito, e eu peço por patrocínio.”

Rotina
A rotina dos dez dias de corrida vai ser bem intensa. Carlos vai acordar por volta as 4h20 para sair às 5 horas do hotel. A ideia é tentar ir direto, mas se cansar ele prefere parar. A ordem é atravessar o Espírito Santo apenas correndo.

“Eu não ando, em hipótese alguma. A proposta é correr os 441 quilômetros e por isso eu não ando. Se não estiver aguentando, paro, descanso e volto quando puder correr novamente”, disse Carlos Eduardo.

A alimentação durante o percurso é basicamente à base de suplementos e frutas. E, claro, muita água.

“Quando corro, como muito pouco. Às vezes uma barrinha de cereal. As refeições eu faço no caminho. Tem restaurante que me recebe com muita hospitalidade e me dá o prato de comida. Outros nem tanto. E depois me alimento no hotel.”
Carlos Eduardo tem um carro à disposição para carregar seus pertences durante a travessia.

Jornada
Travessia norte a sul do ES
Largada: Pedro Canário - divisa com a Bahia
Chegada: Presidente Kennedy - divisa com Rio de Janeiro
Distância: 441 km
Dias gastos: 10 dias
Período: 29 de fevereiro a 9 de março
Tempo total de corrida: 55 horas


Notícias Relacionadas »
Comentários »
WhatsApp
Atendimento
Fale conosco pelo Whatsapp