19/11/2015 às 15h58min - Atualizada em 19/11/2015 às 15h58min

Incidência de casos de dengue em Presidente Kennedy é maior do que em Vitória

Por Fábio Jordão

 

A Secretaria de Estado da Saúde (SESA) divulgou hoje(19) o Boletim Epidemiológico da Dengue. Entre 04 de janeiro e 14 de novembro de 2015, foram notificados 33.153 casos de dengue no Espírito Santo. Destes, 853 são suspeitos da forma grave, 28 são óbitos confirmados e 17 são óbitos sob investigação. No mesmo período, a taxa de incidência da doença no Estado ficou em 853,35. Essas informações são enviadas à Secretaria de Estado da Saúde até o dia anterior à divulgação do boletim epidemiológico.

O Boletim é apresentado de duas formas: uma tabela com a indicação das notificações em números absolutos por semana epidemiológica e outra com a incidência de casos de dengue por município.

Na incidência, os números divulgados pela SESA revela um dado assustador. A incidência de casos de dengue em Presidente Kennedy é maior do que no município de Vitória por exemplo.

Em Presidente Kennedy, foram registrados 124,8 casos de incidência de dengue, bem maior do que na Capital onde foi registrado 56,8.

Para calcular a incidência, divide-se o número de notificações (ou seja, o número de novos casos da doença) pela população do município e multiplica-se este valor por 100 mil. O Ministério da Saúde considera três níveis de incidência de dengue: baixa (menos de 100 casos/100 mil habitantes), média (de 100 a 300 casos/100 mil habitantes) e alta (mais de 300 casos/100 mil habitantes). A taxa de incidência é, portanto, um importante indicador de alerta e ajuda a orientar as ações de combate à dengue.

 

Tabela de incidência das últimas quatro semanas

MUNICÍPIO 42ª SE 43ª SE 44ª SE 45ª SE TOTAL*
PRESIDENTE KENNEDY 26,7 35,6 17,8 44,6 124,8
VITÓRIA 21,9 15,6 16,8 2,6 56,8

*Total das quatro semanas

 

Como se prevenir

- Limpar o quintal, jogando fora o que não é utilizado;
- Tirar água dos vasos de plantas;
- Colocar garrafas vazias de cabeça para baixo;
- Tampar tonéis, depósitos de água, caixas d’água e qualquer tipo de recipiente que possa reservar água;
- Manter os quintais bem varridos, eliminando recipientes que possam acumular água, como tampinha de garrafa, folhas, sacolas plásticas etc.;
- Escovar bem as bordas dos recipientes (vasilha de água e comida de animais, vasos de plantas, tonéis, caixas d’água) e mantê-los sempre limpos.


Notícias Relacionadas »
Comentários »
WhatsApp
Atendimento
Fale conosco pelo Whatsapp