02/02/2021 às 11h43min - Atualizada em 02/02/2021 às 12h20min

Especialista aponta que implante dentário pode durar uma vida toda

A durabilidade e a longevidade do implante dentário são dois dos principais motivos que levam as pessoas a optarem por esse tratamento, que atualmente é o que mais se assemelha aos dentes naturais

DINO
https://oralsin.com.br/

O implante dentário tem o objetivo de substituir a raiz de um dente natural, mantendo a função mastigatória, conforto, segurança e a estética de um sorriso perfeito. O melhor recurso de tratamento para quem usa dentadura ou ponte móvel tem se tornado cada vez mais popular e acessível no Brasil. Segundo estimativas do Conselho Federal de Odontologia (CFO), o tratamento com implantes dentários cresce, em média, 15% ao ano e deve manter esse ritmo nas próximas décadas.

De acordo com o cirurgião-dentista e diretor nacional da rede de clínicas odontológicas Oral Sin , Felipe Sapata, (CRO-PR 18.664), um dos principais motivos que leva as pessoas optarem pelo implante dentário é a questão da durabilidade. Para ele, a longevidade do tratamento depende de alguns cuidados necessários. "O implante dentário, em alguns casos, pode durar toda uma vida. Entretanto, há dois fatores essenciais que permitem isso: a higienização e a manutenção preventiva. Ambos de maneira frequente e constantes", apontou o doutor.

Da mesma maneira que os dentes naturais precisam de uma higienização adequada para evitar cáries e outras doenças bucais, os dentes implantados também necessitam de cuidados semelhantes. Uma boa escovação e o uso correto do fio dental são determinantes para garantir o bom estado da saúde bucal. "Seja dentes naturais ou implantados, é importante escová-los várias vezes ao dia, principalmente após as refeições e antes de dormir. O recomendado é fazer movimentos circulares com a escova, mantendo a linearidade dos movimentos no dente ou na prótese, e também na gengiva", informou o doutor Felipe Sapata.

Uma higienização ineficiente permite acumular placas bacterianas, responsáveis por danificar lentamente a estrutura do dente. Esse processo é chamado de periodontite. Já no caso dos dentes implantados, essa doença tem o nome de peri-implantite. "Nomes distintos, mas a infecção é a mesma. Trata-se da inflamação dos tecidos gengivais e do osso ao redor do dente", destacou o cirurgião-dentista da rede de clínicas Oral Sin.

Sobre a manutenção preventiva, o cirurgião-dentista e diretor nacional da rede de clínicas odontológicas Oral Sin utilizou um exemplo básico do cotidiano como resposta. "Um automóvel, por exemplo, precisa de tempos em tempos passar por revisões e manutenções. Se inspecionado periodicamente, as chances de dar problemas diminuem, além de aumentar seu tempo de uso. Com os implantes dentários não é diferente, já que eles precisam sempre desta mesma atenção", justificou.

Para o doutor Felipe Sapata, o retorno periódico ao dentista deve ser realizado pelo menos a cada seis meses. "É uma consulta simples e rápida para realizar um check-up dentário, onde será analisada toda estrutura da boca. No caso dos implantes é verificado toda questão óssea, a prótese e alguma anormalidade possível", desatacou.

Oral Sin:

A Oral Sin é nacionalmente conhecida como a rede de clínicas Nº1 em implantes dentários do Brasil. São 17 anos de história, mais de 300 unidades em todas as regiões do país e uma única missão: transformar o sorriso e a vida das pessoas. Para agendar uma avaliação ou mais informações, basta acessar o site www.oralsin.com.br.



Website: https://oralsin.com.br/
Notícias Relacionadas »
Comentários »
WhatsApp
Atendimento
Fale conosco pelo Whatsapp