16/11/2020 às 15h00min - Atualizada em 16/11/2020 às 15h00min

Câmara Municipal terá cinco novos vereadores a partir de 2021

Da Redação
A Câmara Municipal de Presidente Kennedy iniciará a legislatura 2021-2024 com cinco novos vereadores em relação à configuração atual do Legislativo.

O PSD terá a maior bancada da Câmara, com três parlamentares. Em seguida, o Podemos e o DEM terão duas cadeiras cada. O PL e o Republicanos ficam com uma cada sigla.

O pleito foi o primeiro sem coligações para eleições proporcionais.

Dos sete vereadores que buscavam a reeleição, três não conseguiram a vaga: Daniel Gomes (Cidadania), Preto (PSB) e Verinha (PSD). Além destes, os vereadores Tânia Corrêa (Patriotas) e Thiago Viana (PSB) não seguirão para a legislatura 2021-2024, já que não disputaram à tentativa de reeleição por motivos distintos.

Os vereadores Antônio Picuti(DEM), Bartolomeu (Podemos), Mirian de Jesus(DEM) e Timá(PSD), foram reeleitos neste domingo (15). 

Os novos vereadores são: Ulisses Barreto (PSD), Tercinho (Podemos), Marquinhos Costalonga (PL), Jhonatan Mota (PSD) e Zé Murrinha(Republicanos).

Quociente
O quociente eleitoral das eleições para a Câmara Municipal de Presidente Kennedy em 2020 foi de 1.090 votos, ou seja: para ter ao menos uma cadeira no Legislativo, cada partido deveria ter feito no mínimo 1.090 votos somados todos os recebidos pelos candidatos daquele partido, além dos votos de legenda. O quociente eleitoral é calculado pela divisão dos votos válidos – 9.808 votos – pelo número de cadeiras da Câmara – nove. Agora, o número de vereadores a que cada partido tem direito chama-se quociente partidário. Este índice é calculado pela divisão do número total de votos de um partido pelo próprio quociente eleitoral.

Notícias Relacionadas »
Comentários »
WhatsApp
Atendimento
Fale conosco pelo Whatsapp