13/11/2020 às 11h42min - Atualizada em 14/11/2020 às 00h00min

Black Friday: comprar o produto à vista ou parcelar?

O comprador deve prestar atenção antes de finalizar a compra.

DINO
https://www.bullla.com.br/

Faltando pouco mais de 20 dias para começar o calendário de promoções da Black Friday, as lojas de varejo do país inteiro já começaram a mudar o portfólio dos seus sites e esquentar os motores para o que promete ser a maior semana de promoções da história. As adversidades são muitas e, com a pandemia, houve baixa no número de pessoas empregadas, consequentemente, uma diminuição na renda da população.

Mesmo com a diminuição da renda, a quarentena estimulou a compra pela Internet e, sem perspectivas de festas de final de ano por conta de aglomerações, as pessoas vão usar o dinheiro para gastar em outras prioridades, como as que estarão disponíveis na Black Friday, por exemplo.

Promoções e preço

Cientes da fragilidade de mercado que cercou o ano de 2020, muitas lojas irão facilitar a forma de pagamento e disponibilizar produtos em melhores condições para os consumidores. Fretes gratuitos e parcelamento sem juros serão características deste período, mas o comprador deve prestar atenção antes de finalizar a compra.

Por exemplo, verificar se o preço final no parcelamento é o mesmo ofertado no produto à vista, se a resposta for sim, então, vale a pena adquirir o produto por essa parcela menor. Apenas é preciso tomar cuidado para não criar uma bola de neve amontoando pequenas prestações em um período de tempo muito grande, afinal, isso pode fazer com que o cliente fique preso a essa compra durante muitos meses.

Se a loja ofertar um desconto pagando o valor integral do produto à vista, o consumidor deve levar em consideração a oportunidade, é claro, se tiver recurso suficiente para isso.

Embora a data ápice das promoções seja no dia 27 de novembro, aqui no Brasil, a Black Friday inicia bem antes em algumas lojas. De qualquer forma, é imprescindível verificar se as ofertas são verdadeiras e se os produtos têm a qualidade ofertada de fato. Após isso será possível comprar com calma, sempre com atenção às condições de pagamento e aos valores dos produtos, tanto à vista como parcelado, além de escolher a melhor forma que couber no bolso.

Melhor opção

A Black Friday não é exclusiva para o comércio eletrônico. No varejo físico é muito comum, nesta época do ano, ver cartazes enormes avisando que também há promoção por ali. Nestas lojas, é muito frequente o uso de carnês de pagamento para adquirir os produtos e, assim como na compra pela Internet, o consumidor deve estar atento ao valor final que o produto terá depois do parcelamento.

Na compra pelo carnê, os lojistas costumam cobrar uma taxa de juros maior. Por exemplo, uma geladeira de R$ 2.000,00 pode sair pelo carnê por 12 vezes de R$500,00 - parece tentador, mas o valor final da geladeira, ao quitar todas as parcelas, será de R$ 6,000,00 - ou seja, três vezes mais do que o valor original à vista.

Uma alternativa para aproveitar o desconto, seria adquirir o produto à vista, entretanto nem sempre se tem o dinheiro em mãos. Então, o empréstimo entre pessoas físicas pode ser uma excelente opção. Esse tipo de crédito, oferecido pelas Fintechs (instituições autorizadas pelo Banco Central), costuma ter juros baixos e pode ser quitado logo, com o recebimento do décimo terceiro, por exemplo. Dessa forma, o consumidor poderia quitar a geladeira que compraria pelo triplo do valor, optando pelo pagamento à vista e evitando endividar-se com parcelamentos caros e longos.

O Bullla dispõe de diversas vantagens ao bom pagador. O empréstimo é totalmente online e sem burocracia. Os juros são mais baixos e o crédito é rápido, prático e seguro. Basta fazer o cadastro.

Mais informações em https://www.bullla.com.br/



Website: https://www.bullla.com.br/
Notícias Relacionadas »
Comentários »
WhatsApp
Atendimento
Fale conosco pelo Whatsapp